domingo, 29 de abril de 2012

PONTUANDO NO RANKING BRASILEIRO

EQUIPE CABRAL BIKE SHOP MOSTRA SUA FORÇA E TRAZ PARA CASA MUITAS CONQUISTAS EM  UMA  DURA DISPUTA PELO RANKING BRASILEIRO

Por Marcus Cabral - Fotografia NGFotos

Em mais uma disputa emocionante a equipe CABRAL BIKE SHOP fez sucesso na cidade de Resende-RJ, mesmo depois de um dia de chuva e ventos fortes pela região a equipe partiu para mais um desafio em provas de moutain bike do estilo maratona pela Copa Agulhas Negras MTB Cup, evento que foi válido para pontuação do ranking brasileiro de mountain bike e contava com várias equipes de ponta.

O percurso ficou marcado por um forte sobe e desce e algumas partes bastantes encharcadas dificultando ainda mais os 82 quilômetros de prova. A equipe CABRAL BIKE SHOP como sempre muito unidada, conseguiu trazer para casa 8 troféus entre os dozes atletas que partciparam dessa aventura.

                                Resultados  ...
http://www.agulhasnegrasmtbcup.com.br/resultados2etapa-2temporada.pdf
José Luís se alimentando com GU antes da largada.
Marcão pioneiro da equipe firme na perseguição nos quilômetros finais.
Marcus Cabral coordendor do projeto e atleta chegou em 8º na disputada categoria sub 30 " Estou realizado, pois a cada fim de semana que estou com nosso time , sinto que todos tem paixão pelo oque faz e tenho certeza que isso nos traz sucesso e brilhantismo nas provas"finaliza.
 Grande Daniel o"Lacraia" depois de um susto no pelotão da ponta , quebrou até seu capacete no acidente ...mas está tudo bem graças a Deus ! 
    Zé Luís Nogueira puxando nada mais nada menos que o tricampeão brasileiro de maratonas Robson Ferreira atleta da Amazonas bike.
Time vencedor , apaixonado pelo oque faz ...sempre conquistando um lugar no pódium

segunda-feira, 23 de abril de 2012

LIDERANÇA TOTAL

EQUIPE CABRAL BIKE SHOP  BRILHOU  NA SEGUNDA ETAPA DO CAMPEONATO SUL FLUMINENSE

Por Marcus Cabral


Neste final de semana do dia 22 de abril nossa equipe partiu para mais um evento desafiador de mountain bike no distrito carioca de Barra Mansa no bairro Rialto , percurso de 67Km de muita beleza natural por passar próximo da região do parque nacional da serra da Bocaina.

A equipe Cabral bike shop representou de forma brilhante mais uma vez... foram 5 conquistas sendo 4 delas na primeira colocação e uma na segunda colocação . Resultados que sempre é bem vindo para fortalecer ainda mais nossa equipe para o próximo desafio na copa Agulhas Negras em Resende dia 29 próximo , evento que contará pontos para o ranking brasileiro, fato que sem dúvida fará do evento um dia de super campeões reunidos e a Cabral bike shop estará concerteza na disputa dos 3000.00 reias em prêmios.
José Luís Nogueira foi o grande campeão da categoria ELITE e segue em primeiro no campeonato ,  destaque também para o atleta Marcos Fernando (Marcão) que foi primeiro em sua categoria sub35  e segundo lugar da geral .Outros resultados vieram com Vinícius Toledo em primeiro da juvenil , Pedro Henrique ( Pepe) também foi o primeiro da sub 23 , Daniel Maia foi o segunda na disputada sub 30 completando assim mais uma partipação da equipe Cabral bike shop.
Equipe CABRAL BIKE SHOP pronta para mais uma disputa ......
José Luís Nogueira Campeão da ELITE
Marcão que também foi destaque ....primeiro da categoria sub 35 e 2º lugar na Geral

terça-feira, 17 de abril de 2012

MAIS CONQUISTAS ...

A EQUIPE CABRAL BIKE SHOP ESTEVE EM VASSOURAS PARA A DISPUTA DO BIKE TOUR 2012 E TEVE 100% DE APROVEITAMENTO

  
Por Marcus Cabral

No dia 15 de abril a linda cidade histórica de Vassouras-RJ recebeu a equipe CABRAL BIKE SHOP para prestigiar a disputa do Bike Tour 2012 , evento diferenciado e contagiante pois distribuiu 5 mil reais em dinheiro para as principais categorias ,fato que sem dúvida tornou a disputa ainda mais acirrada entre os competidores.               
                                     http://biketourmtb.com.br/

Daniel Maia 2º colocado sub 30  - José Luís 2º colocado ELITE  e Pedro Henrique 1º colocado sub 23

A equipe Cabral bike shop competiu com os atletas José Luís Nogueira na elite ,Daniel Maia na sub 30 e Pedro Henrique na sub 23, onde juntos tiveram um ótimo aproveitamento na competição fortalecendo ainda mais o trabalho da equipe na região do Rio de Janeiro.

PARABÉNS ATLETAS


Conquistas que nos enche de prestígio e também fortalece ainda nossas expectativas em busca de novos resultados na temporada.
APOIO PREFEITURA DE CANAS - SP

sexta-feira, 13 de abril de 2012

UM ORGULHO PARA NÓS ....

MURILO FISCHER REPRESENTA O BRASIL NO UCI WORD TOUR E HOJE PODEMOS ACOMPANHAR SUA EVOLUÇÃO E CONTRIBUIÇÃO PARA O CICLISMO DE NOSSO PAÍS.
Fonte  Revista Go Outside
O Catarinense Murilo Fischer, 32, é o ciclista que mais conseguiu diminuir as distâncias entre o ciclismo nacional e o europeu. Há seis anos competindo no UCI World Tour, o circuito de elite do ciclismo mundial, Murilo já completou dois Tour de France e até hoje é o único brasileiro a terminar duas grandes voltas ciclísticas (Tour de France e Giro d’Itália). Em 2011, competindo pela equipe Garmin-Cervélo, ele foi ainda mais expressivo. Primeiro venceu o Troféu Magaluf-Palmanova — que corresponde à última etapa do Desafio de Mallorca — na Espanha, superando nos metros finais o espanhol Oscar Freire, tricampeão mundial e sprintista nato. “Apesar de não ser uma etapa do Tour de France ou a clássica Paris-Roubaix, ganhar uma corrida é sempre difícil, ainda mais quando o oponente é Oscar Freire”, diz. No meio do ano, Murilo ainda se tornou bicampeão brasileiro de ciclismo de estrada e, com isso, ganhou o direito de usar a camisa verde-amarela durante provas internacionais como a Milan-San Remo, na qual esteve este ano. Levando o ciclismo com máxima seriedade, Murilo tem ajudado a mostrar aos europeus que o Brasil tem potencial nesse esporte. 
A Olimpíada de Londres talvez seja a próxima oportunidade para ele demonstrar a força verde-amarela nos pedais. O Brasil tem três vagas garantidas e Murilo é o primeiro atleta da lista de possíveis convocados. Murilo já é veterano em Jogos Olímpicos. Sua estreia foi em Sydney, em 2000, ficando na 89ª colocação. “Foi muito marcante para mim, aos 20 anos, poder competir contra Jan Ullrich, que já havia vencido o Tour de France e tinha história no ciclismo.” Desde então Murilo só melhorou seus resultados nos jogos seguintes: 62º em Atenas e 20º em Pequim. Por isso, ele vê Londres com otimismo. “É a olimpíada em que chegarei com mais experiência e, consequentemente, mais chances”, aposta (MARIO MELE).
 Murilo Fischer compete pela equipe GAMRIN - BARRACUDA e tem o patrocínio da OAKLEY e MAVIC.

  

terça-feira, 3 de abril de 2012

BMX NA VEIA

EQUIPE CABRAL BIKE SHOP INICIA NOVO TRABALHO PARA PROJETAR GRANDES FERAS LOCAIS DO BMX.
Du Race mandando aereo table top no half  do CSU

Por Marcus Cabral

Na cidade de Lorena o BMX  é muito  movimentado até porque várias feras desenvolvem um trabalho a mais de 16 anos e agora começa colher seus frutos. São eles Fabiano Diniz atleta profissional , Gabriel ( Du Race ) que vem de um super resultado, vice campeão em Santos no Clip BMX park  e Luiz Fernando ( Lambari ) onde juntos viajam em busca de locais perfeitos para a prática do BMX além dos grandes eventos que sempre estão presentes de forma competitiva.

Para quem não conhece o BMX se divide em duas modalidades, o BMX Racing (corrida) e o BMX Freestyle (Manobras).

Já o Freestyle (estilo livre) também é dividido em modalidades, sendo diferenciadas pelo local e a forma de como são executadas as manobras.

Dirt Jumping
É praticado em rampas de terra, com alturas e distâncias variadas, podem ser rampas únicas, doubles, ou sequencias chamadas de trails. As manobras são uma mistura das manobras vistas no vert com os grandes saltos do bicicross.
Fabiano Diniz  mandando um Transfer Lock Back em sua pista local de treino CSU.
Lambari manual sobre o corrimão do CSU

Vert
Vert ou Vertical é praticado em uma rampas com formato de “U”, denominada Half-Pipe, com manobras nas bordas e nos chamados aéreos (vôos para fora da rampa) onde os atletas buscam executar manobras de alto grau de dificuldade o mais alto possível no dois lados da rampa. É uma modalidade com um belo visual para espectadores.
Street
É praticado nas ruas, os obstáculos são tudo o que possa ser encontrado, desde escadas, corrimãos, paredes, bancos, monumentos e etc. As manobras combinam o Dirt , o Vert e o Flatland são executadas ao se transpor algum obstaculo, e o que vale é a criatividade em cada obstáculo encontrado pelas ruas.
Flatland é praticado em áreas planas e sem obstáculos, as manobras são um desafio de equilíbrio, criatividade e agilidade que podem ser estáticas (usando travões) ou com muito movimento (sem os travões). Os atletas ou artistas buscam executar varias combinações e variações seguidamente sem interrupção do movimento entre uma manobra e outra. A Bicicleta utilizada no Flatland é a mais diferenciada entre as usadas nas outras modalidades do Freestyle.
Fabiano Diniz fazendo uma manobra chamada Dow side wip na 45º do CSU

Park é praticado em percursos fechados (skateparks ou bikeparks) onde se encontram obstáculos que, inicialmente, procuravam simular os obstáculos das ruas, mas actualmente já possui um desenho próprio, com rampas para aéreos e para saltos, bancadas, muros e paredes, e possui ainda hoje algumas poucas simulações de obstáculos encontrados nas ruas, como escadas e corrimãos.


TREINOS Todos os finais de semana , essa turma se encontra para treinar no CSU  e durante a semana sempre rola os rolês pelas ruas de nossa cidade Lorena carregando sempre a esperança de um mundo melhor , incentivando de alguma forma o uso da bicicleta que é um veículo não poluente e que traz saúde para quem utiliza.

Parabéns meninos pelo trabalho realizado .....
Du Race fazendo um transfer tuc - no hander travado.